ONDE HOSPEDAR EM SÃO PAULO?

Está na dúvida na escolha de hotéis em São Paulo? Clique aqui e te ajudarei a fazer a melhor escolha!

Oi gente, sempre recebo perguntas sobre hotéis em São Paulo, então resolvi fazer um post para ajudar quem está indeciso, aqui ensino 3 passos que devem ser avaliados antes de você definir onde hospedar em São Paulo e te ajudo a fazer a melhor escolha baseado no seu perfil de viagem!

São Paulo é enorme e faz com que qualquer um fique indeciso na hora da escolha, e entender como é dividida a cidade é importante, ela é  dividida em zonas (norte, sul, leste e oeste) e se o motivo da sua viagem é vir à um compromisso na zona leste não faz sentido você se hospedar na zona sul, certo?

 

Pensando nisso, defini 3 passos fundamentais antes de você abrir o Booking ou o Airbnb e sair reservando no site  a opção “mais barata” sem saber ao certo a sua real necessidade de hospedagem.

 

# 3 PASSOS

 

1. DEFINA O MOTIVO DA VIAGEM

 

Quase sempre recebo de algum amigo a pergunta de onde hospedar em São Paulo, e a minha resposta sempre é feita com outra pergunta “Qual o motivo da sua viagem?”

Se a sua viagem é a passeio, certamente vou te indicar o à região da Av. Paulista, Jardins ou Centro,  a sua escolha deve ser baseada no objetivo principal da sua viagem, priorize locais próximos ao seus compromissos, isso fará muita diferença, acredite!

Av. Paulista 

 

A definição do lugar é muito individualizada e na maioria das vezes quem vem a São Paulo à trabalho ou para realizar cursos profissionais provavelmente ficará na região da Av. Paulista, Brooklin, Vila Olímpia, Vila Mariana ou Av. Bigadeiro Faria Lima, isto porque esses bairros são comerciais, bem localizados e polo de grandes multinacionais.

São Paulo é a cidade das oportunidades, polo empresarial e por esse motivo é muito frequentada pelo turismo empresarial, muitas multinacionais abrigam escritórios na capital e acabou se tornando uma referência nacional para realizações de feiras, em toda cidade existem locais para realizações delas, voltadas para o comércio, a Expo Center Norte é uma delas e fica em uma das avenidas mais famosas da cidade, a Marginal Tietê e próximo ao local existem redes de hotéis voltados para atender este tipo de público, minha recomendação é que você ao vir para alguma destas feiras, aproveite para se hospedar próximo à elas.

Na região do Jardins e Itaim Bibi você encontrará as melhores opções gastronômicas da cidade, uma boa opção para quem curte um turismo gastronômico e faz questão de um bom almoço ou jantar, já o centro é uma ótima opção  para os amantes de cultura e história, o lugar traz uma imensidão de lugares que te farão voltar ao tempo e na história do Brasil, é a região de São Paulo que mais concentra pontos turísiticos históricos, a região do Brás e do Bom Retiro é uma opção para as pessoas que vem à São Paulo para compras de roupas, existem ruas especializadas apenas em vestuário feminino.

O tempo da sua permanência na cidade também deve ser levado em consideração, não adianta você querer conhecer o máximo de pontos turísticos de uma só vez, nem mesmo quem mora aqui ou que venha com uma certa frequência é capaz de conhecer todos de uma vez só!

 

2. MEIO DE TRANSPORTE

 

Defina qual tipo de transporte que você vai utilizar, a utilização do transporte público pode baixar muito os custos de uma viagem, porém nem sempre essa é a melhor alternativa!

Muitos pontos turísticos em São Paulo  podem ser visitados com facilidade utilizando o metrô ou ônibus, como o bairro da Liberdade, a rua 25 de março, o Mercado Municipal de São Paulo, a Av. Paulista, o Estádio do Itaquerão.

Você pode baixar o aplicativo do metrô São Paulo no seu celular com o mapa do metrô e ao definir os pontos turísticos e locais que deseja conhecer, dê uma pesquisada no metrô mais próximo do seu ponto de interesse, não tenha vergonha de tirar dúvidas nas estações, existem profissionais preparados para te ajudar em cada estação. Vai parecer um quebra-cabeça no início até ir acostumando, as principais linhas do metrô são: linha vermelha e linha azul e elas se cruzam na estação da Sé (centro da cidade).

Quando cheguei em São Paulo, eu não fazia idéia de como utilizar o metrô e acredito que muitos de vocês que estarão lendo este post também não fazem idéia, mas acredite, não é um bicho de sete cabeças, com o mapa e o nome das estações de seu interesse você vai saber se guiar com facilidade. O Metrô é dividido em linhas e estações.

 

MAPA METRÔ SP 

Mapa Metro São Paulo - site oficial 

 

LINHAS (são divididas em cores):

Azul - Estação Jabaquara à Tucuruví

Verde - Estação Vila Prudente à Vila Madalena

Vermelha - Estação Corinthians/Itaquera à Palmeiras/Barra Funda

Amarela - Estação da Luz à Butantã

Lilás - Estação Capão Redondo à Eucalípto

Prata - Vila Prudente e Oratório

 

Observação: para quem pretende utilizar o metrô como principal meio de transporte para deslocamento na capital, não se desespere, farei um post ensinando todos os detalhes, informações necessárias para você utilizar o metrô sem medo,  em breve. Prometo!

Dica valiosa:  Hotéis próximos a linha do metrô, são sempre boas opções, porém existem regiões em São Paulo que não possuem metrô, como o Parque Ibirapuera, nada que um UBER não resolva.

O fluxo é algo importante a considerar e um atraso de 20 minutos podem virar mais de 60 minutos facilmente em um horário de pico, isso porque as avenidas ficam congestionadas e se deslocar em São Paulo vira uma missão, as avenidas ficam paradas aumentando o seu tempo de deslocamento. A regra do fluxo também vale para o metrô da capital, vá esperando encontrar um local cheio, com filas e para quem não gosta do empurra empurra fuja desses horários, tente sair mais cedo possível do horário de pico!

Av. 23 de maio às 17h - site estadão

Fique atento aos horários de pico quando se planejar se deslocar na cidade.

Horário de pico: 7h às 10h (fluxo do bairro para o centro) e das 17h às 20h (o fluxo do centro para o bairro)

Se você alugou um carro, fique atento ao rodízio, faixas de ônibus, velocidade das via (radar) e locais de estacionamento público.

Existe estacionamentos públicos em toda à capital, geralmente são bem disputados e fique atento aos locais autorizados e horários nas placas de sinalização, é possível utilizar um Cartão Azul Digital (CAD) que pode ser obtido através de aplicativos ou compras em postos de vendas como bancas de jornais, bares, drogarias, lanchonetes, mercados e padarias, o período de utilização é limitado 1-2h e o valor avulso sai por 5,00 reais.

Considero o UBER uma ótima alternativa na cidade, baixe o aplicativo no celular, cadastre um cartão de crédito é bem fácil e  prático de usar e funciona muito bem na capital Paulista.


 

3. LOCALIZAÇÃO

 

É sempre muito difícil definir o local da hospedagem quando não conhecemos a cidade, principalmente quando existem muitas opções incríveis de bairros e lugares para se hospedar, São Paulo definitivamente tem lugares para todos os gostos.

Você encontrará boas opções de restaurantes e pontos turísticos em todas as regiões, não precisa se preocupar com isso, não se prenda aos rótulos e restaurantes tradicionais e mais famosos, você poderá se surpreender com restaurantes em qualquer zona de São Paulo.

Basicamente meu conselho é:

  1. Viagem à trabalho: priorize a região do seu compromisso e busque por pontos turísticos e restaurantes ao redor

  2. Viagem à turismo (bar/gastronomia) - Região da Paulista, Jardins ou Itaim Bibi

  3. Viagem à turismo (história/cultura)   - Centro (República)

 

Região da Paulista e Jardins.

Se é a sua primeira vez em Sampa e quer turistar eu recomendo a região da Paulista e  Jardins, região segura, bem localizada, com restaurantes renomados, boa oferta de hotéis e várias opções turísticas como museus, parque, shopping, livrarias, compras.

A Av. Paulista é o cartão postal da cidade, uma rua incrível que aos finais de semana fica fechada para carros e cheia de pessoas, por lá é possível ver todas as tribos de São Paulo.

MASP

Há vários motivos para se hospedar nesta região, por lá  você encontrará:

  • Segurança

  • Linhas metrôs - Linha Verde e Amarela que facilitam o deslocamento em outras regiões da cidade de forma barata

  • Principal corredor de ônibus - Consolação/Rebouças

  • Livraria Cultura

  • Diversidade de lojas, de fato um shopping à céu aberto, a Rua Oscar Freire é considerada à rua mais luxuosa da capital

  • Museu da Imagem e do som  (MIS), MASP, Itaú Cultural, Fiesp, Casa das Rosas e Caixa Belas Artes.

  • Parque Trianon (um parque no coração da Av. Paulista)

  • Restaurantes (famosos), cafeterias, sorveterias

  • Shoppings

  • Localização privilegiada, próximo a Av. Paulista, rua Oscar Freire (rua mais luxuosa da cidade)  e Rua Augusta

 

Porém essa escolha tem um preço, os hotéis são um pouco mais salgados, por ser um bairro classe alta. O bairro da Consolação também é uma boa opção próxima à região dos Jardins, o melhor trecho de ofertas com bom custo x benefício fica entre Consolação e MASP em direção ao Jardins.

Por incrível que pareça, aos finais de semana a chance de você conseguir uma hospedagem mais em conta é bem possível, principalmente porque durante a semana São Paulo é frequentada pelo turismo empresarial, que acaba inflacionando as diárias dos hotéis em regiões como Av. Paulista e Jardins.


 

Região do Centro

Para quem busca história esse é o lugar, é o bairro que mais concentra atrações turísticas na cidade! O centro é a parte mais antiga, uma boa opção de economia aliada localização e muitos pontos turísticos históricos e tradicionais, como:

  • Mercado municipal

  • 25 de março

  • Pateo do Collegio (local de fundação da cidade)

  • Museu da cidade

  • Catedral da Sé

  • Mosteiro de São Bento

  • Teatro Municipal

  • Edifício Martelli

  • Copan

  • Bovespa

  • Viaduto do Chá

  • Estação da Luz

  • Prédio dos Correios

  • Estação da Luz

  • Pinacoteca

  • Restaurantes

  • Vida noturna: alternativa

  • Próximo ao bairro da Liberdade (cultural oriental)

Mercado Municipal 

Porém, nem tudo são flores, é perigoso, tem muitos moradores de rua e a maioria são usuário  drogas, de dia é tranquilo andar e a noite nem tanto, cuidado com seus pertences, infelizmente não é o local mais seguro, coloque a bolsa na frente, evite mexer  no celular e não manipule dinheiro na rua. A prefeitura tem revitalizado muitos locais na tentativa de atrair mais turistas, o centro é lindo, tem bons restaurantes e muita história por lá!

A região da República é uma boa opção para quem quer ter a experiência de  se hospedar no centro de São Paulo.

 

Região do  Itaim Bibi

Por aqui você encontrará uma região empresarial e sede de multinacionais como Google e Facebook, o famoso mercado de produtos italianos Eataly, turismo forte em gastronomia com restaurantes renomados, considerado um bairro seguro e plano, ótimo para dar aquela caminhada sem pressa para conhecer a região, fica próximo à região do Parque Ibirapuera, o parque mais famoso de São Paulo. O bairro tem boas opções para quem gosta de baladas eletrônicas e sertanejas e alguns botecos famosos. A desvantagem é que o bairro não possui metrô.

Eataly

Atrações próximas:

  • Shopping Iguatemi e JK Iguatemi

  • Eataly - mercado de alimentos italianos com restaurantes

  • Parque do Povo ou Ibirapuera

  • Teatro Santander

  • Cinema - Kinoplex Itaim

  • Bares: Boteco São Bento, Dezoito Bar, Eu Tu Eles, Tatu Bola, Kia Ora, Brexó  

  • Wine Bar: Bardega

  • Restaurantes famosos como Nino Cucina,

  • Museu da Casa Brasileira

  • Sorveterias: é a Davero Gelato Tradizionale, Vipiteno Gelato & Caffé ou Cuordicrema.

  • Ciclofaixas - para um passeio de bike

 

Meu conselho é que você aproveite melhor da região em que você escolheu ficar e a cada retorno na cidade você vai modificando as regiões e atrações turísticas, claro que isso não impede de você se hospedar na zona sul e queira conhecer algum ponto turístico na zona norte, mas tenha em mente que você gastará um tempo para esse deslocamento, ok?

Após os 3  passos definidos, você provavelmente já consegue definir melhor o que está procurando, agora sim vale a pena recorrer ao Booking ou Airbnb, colocar os filtros e começar a busca pela melhor oferta!.

Farei posts específicos dos bairros para que você possa aproveitar o melhor da região!

 

Desejo à você uma boa viagem e hospedagem!